segunda-feira, 29 de março de 2010

Perguntas e Respostas

1) Como surgiu a Filosofia?

A Filosofia surgiu devido por transformações que os gregos operavam na sabedoria oriental (egípcia, persa, caldéia e babilônica). Assim, filósofos como Platão e Aristóteles afirmavam a origem oriental da filosofia. Os gregos, diziam, povo comerciante e navegante, descobriam, através das viagens, a agrimensura dos egípcios (usadas para medir as terras após as cheias do Nilo), a astrologia dos caldeus e dos babilônios (usada para prever grandes guerras, subida e queda de reis, catástrofes como peste, fome, furacões), as genealogias da dos persas (usada para dar continuidade das linhagens e dinastias dos gorvernantes). A filosofia teria nascido das transformações dos gregos que impulseram a esses conhecimentos.

2) Cite três divisões com grandes períodos da Filosofia na Antiguidade e justifique o significado de cada um deles:

O período pré-socrático: Os filósofos que viveram antes da época de Sócrates, como Parmênides e Heráclito, investigaram a origem das coisas e as transformações da natureza. De seus textos só restaram fragmentos. O conhecimento especulativo no período pré-socrático não se distinguia a dos outros conhecimentos, como a astronomia, a matemática ou a física.

A Grécia clássica: No período clássico, a filosofia ligou-se a um momento histórico previlegiado - o da Grécia clássica. Nesse período, que compreende os séculos 5 a.C. e 4 a.C., a civilização grega conheceu seu apogeu, como o esplendor da cidade de Atenas. Essa cidade-estado dominou a Grécia como se poderio militar e econômico.

Época helenística: O período helenístico corresponde ao final do século 3 a.C. (período que se sucede à morte de Alexandre Magno, em 323 a.C.) e se estende, segundo alguns historiadores, até o século 6 d.C. Aas preocupações filosóficas fundamentais voltam-se para as questões morais, para a definição dos ideais de felicidade e virtude e para o saber prático.

3) Quem foi o primeiro filósofo da Filosofia?

Tales de Mileto. Tales é apontado como um dos sete sábios da Grécia Antiga. Além disso, foi o fundador da Escola Jônica. Considerava a água como sendo a origem de todas as coisas, e seus seguidores, embora discordassem quanto à "substância primordial" (que constituía a essência do universo), concordavam com ele no que dizia respeito à existência de um "princípio único" para essa natureza primordial.

4) Qual a diferença entre Mito e Filosofia?

Para os gregos, mito é um discurso pronunciado ou proferido para ouvintes que recebem como verdadeira a narrativa, porque confiam naquele que narra; é uma narrativa feita em público, sabeada, portanto, na autoridade e confiabilidade da pessoa do narrador. A filosofia nasceu por uma puptura radical como os mitos, sendo a primeira explicação científica da realidade produzida pelo Ocidente.
A diferença entre o Mito e a Filosofia é que o mito pretendia narrar como as coisas eram ou tinha sido no passado imemorial, longínquo e fabuloso, voltando-se para o que era antes que tudo existisse tal como existe no presente. A filosofia, ao contrário, se preocupa em explicar como e porque, no passado, no presente e no futuro (isto é, na totalidade do tempo), as coisas são como são.

5) Qual é o pensamento do filósofo grego Pitágoras?

"Apanha" a natureza numa generalidade muito mais ampla do que a sexualidade própria a alguns seres da Natureza, e faz distinção entre as qualidades sensoriais que nos aparecem e a estrutura invisível da Natureza, que, para ele, é de tipo matemático e alcançada apenas pelo intelecto, ou inteligência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário